19/05/2024 20:08

O que é a ascensão de Jesus Cristo?

A Ascensão de Jesus Cristo: Conclusão Celestial de um Ministério Terreno

A Ascensão de Jesus Cristo é um dos eventos fundamentais na vida de Cristo, conforme narrado no Novo Testamento, e representa um momento crucial tanto para a teologia como para a prática da fé cristã. Este evento não apenas encerra o ministério terreno de Jesus, mas também estabelece a transição para a atuação da Igreja sob a orientação do Espírito Santo. Este editorial explora a natureza, o significado e as implicações da Ascensão para os cristãos de todas as épocas.

O Relato Bíblico da Ascensão

A Ascensão de Jesus é descrita nos Evangelhos, mais detalhadamente no Livro de Atos dos Apóstolos. Quarenta dias após a ressurreição, Jesus levou seus discípulos para o Monte das Oliveiras, próximo a Jerusalém. Após prometer o envio do Espírito Santo e instruir seus discípulos a esperar em Jerusalém até que fossem revestidos com poder do alto, Jesus foi elevado aos céus até que uma nuvem o ocultou de seus seguidores (Atos 1:9-11). Este evento marcou o fim físico da presença de Jesus na terra e o início de sua presença espiritual que permeia a Igreja.

Veja Também:  Jesus Cristo foi tentado pelo diabo?

Significado Teológico da Ascensão

Teologicamente, a Ascensão tem múltiplas camadas de significado:

  1. Reafirmação da Divindade de Jesus: A Ascensão serve como um selo divino sobre toda a vida e ministério de Jesus, confirmando sua natureza única como Filho de Deus.
  2. Intercessão Eterna: Com a Ascensão, Jesus assume seu papel como intercessor junto ao Pai, uma crença fundamental que sustenta a prática da oração cristã.
  3. Inauguração do Reino de Deus: A Ascensão indica o início do governo de Cristo no céu, sugerindo uma mudança de foco do terreno para o celestial no cumprimento dos propósitos divinos.
  4. Preparação para o Envio do Espírito Santo: A Ascensão prepara o cenário para o Pentecostes, a descida do Espírito Santo, e o nascimento da Igreja, equipando os seguidores de Cristo com o poder necessário para continuar sua missão.

Impacto na Missão da Igreja

A Ascensão não é somente um evento para ser lembrado; ela tem um impacto direto na missão da Igreja. Ela orienta os cristãos a voltarem seus olhos para o céu, não para escapar do mundo, mas para transformá-lo. Com a autoridade de Jesus firmemente estabelecida no céu, os cristãos são enviados ao mundo para testemunhar, servir e amar, agindo como embaixadores do Reino de Deus.

Veja Também:  Qual era a relação de Jesus Cristo com os apóstolos?

Conclusão

A Ascensão de Jesus Cristo desafia a Igreja a viver com a esperança do Reino que está por vir, enquanto trabalha no presente. Ela lembra aos cristãos de todas as gerações que, enquanto Jesus não está mais fisicamente presente, sua presença espiritual continua poderosa e transformadora. Em tempos de incerteza, a promessa da Ascensão oferece uma garantia de que, embora Jesus tenha ascendido ao céu, ele não deixou o mundo órfão. Ao contrário, ele inaugurou uma nova era de presença espiritual e poder que continua a inspirar e capacitar os cristãos a viverem suas vidas em fé e serviço.